Educação para o trânsito, pedagogia da vida

por | nov 11, 2015 | Educação para o trânsito | 0 Comentários

Educação para o TrânsitoA educação é um processo permanente no ser humano e começa ainda no berço, quando sequer temos consciência de nossa existência, mas já recebemos os primeiros ensinamentos que vão nos guiar por toda a vida. Uma das características dos seres humanos, é a possibilidade de se comunicar para adquirir conhecimentos e para suprir as suas necessidades. Uma dessas necessidades é a de conhecer pessoas e lugares. Também o ser humano é o único ser vivo capaz de aprender, ensinar, descobrir e inventar, criar e passar pelas mais diferentes experiências de vida.

Uma das mais fabulosas invenções do ser humano é o automóvel, com ele, vieram todos os outros modernos meios de transportes. Mas, como na grande maioria das vezes, as coisas mais fabulosas também trazem consigo grandes problemas. No caso do automóvel, os problemas que o acompanharam estão ligados a falta de controle e preparação das pessoas para utilizar esse equipamento, com consciência e responsabilidade.

A maneira mais eficaz de fazer com que os usuários das vias tenham consciência e responsabilidade é através da educação. A educação para o trânsito não pode ser apenas um fato episódico para a obtenção da carteira de habilitação, tem que ser, sim um processo contínuo que nos acompanhe durante toda a vida.

O Código de Trânsito Brasileiro, instituído pela Lei 9.503 de 23 de setembro de 1997, no capítulo VI que trata da Educação para o trânsito, define em seu art. 74 que: “A educação para o trânsito é direito de todos e constitui dever prioritário para os componentes do Sistema Nacional de Trânsito.” Com isso, abstrai-se que a educação para o trânsito mais do que um direito, é um dever do Estado.

A educação para o trânsito é um processo que deve ter início em nossos primeiros passos, quando aprendemos a nos deslocar, respeitar o espaço dos outros e conhecer nossos próprios limites que continua por toda nossa vida.

O Departamento Nacional de Trânsito – Denatran elaborou as Diretrizes Nacionais da Educação para o Trânsito no Ensino Fundamental, visando apresentar um conjunto de orientações capaz de nortear a prática pedagógica voltada ao tema trânsito.

Mais do que simplesmente cumprir a lei, precisamos compreender que somente por meio da educação será possível reduzir o número de mortos e feridos em acidentes de trânsito e construir uma cultura de paz no espaço público, pois a educação para o trânsito requer ações comprometidas com informações, mas, sobretudo, com valores ligados à ética e à cidadania, fazendo com que a educação para o trânsito seja uma pedagogia da vida.

—-

Autora:
Tércia Maria Ferreira da Cruz
Msc em EGC/UFSC